quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Sem você

Nada funciona quando você não está, meus olhos inúteis não podem olhar pra você, são tortos e cegos, minhas mãos funcionam onde se diluem as carícias que poderiam aliviar sua dor e minha boca não funciona se não poder chegar até a sua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário