terça-feira, 26 de julho de 2011


O sim que você nunca ouviu

Eu só pude entender
Quando meu coração
Se rendeu aos teus encantos
Quanto tua voz soava
Em meus ouvidos fazia a ligação
Entre a razão e a emoção
Tua boca só transmitia paz
E teus olhos a mais pura serenidade
E agora eu sei da verdade
Pois só quero te amar
Em baixo de uma árvore
Em algum canto da cidade
Abraçados olhando o luar
E eu sei que só quero te amar

Eu pude sentir a saudadeQue faz com que os olhos
Fabriquem agua salgada
Desde aquele dia que eu disse o "SIM"
Que você nunca ouviu, mas que sentiu
E aquele beijo se tornou
A mais bela poesia vivida

[Kathleen Lima ]

Nenhum comentário:

Postar um comentário